terça-feira, 17 de outubro de 2017

PALAVRAS PARA CULTO


O tema da adoração cristã, o culto e seus correlatos, sempre me chamou a atenção.  Com isso em mente, resolvi fazer uma lista rápida de algumas palavras que me vieram agora à mente relacionadas ao assunto – e seus respectivos significados.  Sei que alguns termos podem carecer de definição mais técnica e que também a lista pode ser completada com outros termos relevantes ou importantes, mas vai aí o que lembrei:

Adoração – Culto, reverência e veneração devida a Deus.
Culto – Na Teologia cristã: adoração devida a Deus e a forma como esta adoração é executada.  Daí toda celebração a Deus.
Doulia – Na Teologia oficial Católica é a reverência prestada aos santos.  O termo deriva da palavra grega δουλεία.  A palavra aparece no texto grego do NT significando escravidão ou sujeição.
Homilia – Transliteração do grego: ὁμιλία que significa literalmente associação, companhia.  Diz-se das pregações feitas em estilo coloquial.
Litania – Do grego clássico λιτανία significando oração, súplica (nesta forma ausente do NT grego).  O termo passou a ser usado como referência às orações e prédicas litúrgicas.
Liturgia – A palavra grega λειτουργεία, no uso greco-romano, denotava vários tipos de serviço público ou cívico, cúltico e secular.  Os escritores do NT adotaram essa terminologia à compreensão cristã da responsabilidade perante Deus e da solicitude generosa pelos seres humanos.  Daí: executar um serviço religioso.  Hoje, em geral é usado como sinônimo de ordem ou estrutura de culto.
Louvor – No Dicionário Aurélio, elogio, gabo, glorificação e exaltação.  Neste sentido, a Teologia reconhece como sendo destinado exclusivamente a Deus.
Missa – Ato pelo qual a Igreja Católica Romana comemora a Ceia do Senhor.  Por extensão, toda a liturgia que a envolve.  A palavra provém do latim: mitto, missum que significa enviar ou mandar dizer.
Oração – Súplica religiosa.  Na Teologia cristã é toda palavra voltada para Deus através de Jesus Cristo.
Oráculo – Resposta dada pela divindade a quem o consulta e, por extensão, palavra ou sentença infalível.
Prédica – Sermão, discurso, oração, mensagem.
Querigma – Termo transliterado do grego κήρυγμα que significa proclamação – também aparece grafado Kerygma.  Na Teologia cristã, o querigma é a mensagem que a igreja tem a transmitir ao mundo, que consiste no anúncio da morte e ressurreição de Jesus Cristo, bem como suas implicações para vida quotidiana do ser humano.
Reverência – O ato ou efeito de reverenciar ou venerar.  Uma espécie de respeito às coisas sagradas.  Reverendo seria aquele que merece reverência.
Reza – Prece, ou oração repetida, usada no contexto litúrgico.
Sacramento – Em Teologia é aquilo que confere graça pela sua ministração.  Grupos cristãos diferentes o reconhecem em quantidades variadas, mas sempre implica na mediação da graça outorgada por Cristo em ações simbólicas.  No latim clássico o termo sacramentum significaria caução ou dinheiro depositado em juízo para salvaguardar processos civis.
Sacrifício – Tudo que é oferecido à divindade.  No NT, Cristo é considerado o sacrifício definitivo para Deus.  O termo deriva da aglutinação latina: sacrus + oficius, serviço sagrado.  
Sermão – Diz-se das prédicas, geralmente pregadas em púlpitos, com objetivos religiosos.  Por extensão, qualquer discurso religioso.
Veneração – O ato ou efeito de ter reverência, respeito, admiração ou consideração.  Venerável é, então, aquele que é digno de veneração.


Nenhum comentário:

Postar um comentário