sexta-feira, 1 de setembro de 2017

PARA FAZER MISSÕES

Sabemos que toda a igreja tem um chamado missionário. Esta é a convicção que nos faz ser o que somos. Nós nos reunimos a nos identificamos a partir daquilo que temos para fazer: adorar ao Rei e anunciá-lo a todo o mundo.
Tenho falado com frequência sobre a prática da adoração; mas hoje queria refletir um pouco sobre o que é preciso fazer para cumprir a segunda parte de nossa identidade eclesiástica, ou seja, o que é preciso para fazer missões. Vamos ao texto bíblico e vejamos três indicações.
Tudo deve começar com o olhar. É preciso levantar os olhos e ver que os campos estão no ponto de serem colhidos (esta é a ilustração que Jesus usa em Jo 4:35). O envolvimento da igreja com o trabalho missionário inicia quando ela consegue enxergar o mundo à sua volta e se percebe tocada por uma paixão missionária. O mundo clama por transformação – e nós temos a resposta que é Jesus – então é preciso que o percebamos e deixemos ser tocados pela necessidade evangelística; tanto dos que estão ao nosso redor, quanto dos que estão em outras terras.
Tendo percebido o mundo carente do evangelho é preciso então ouvir a voz do Senhor que nos chama e desafia a irmos anunciar a sua Palavra (no caso de Felipe um anjo lhe falou claramente para ir a busca do etíope em At 8:26). Deus tem falado e chamado a sua igreja para cumprir a sua missão. Não podemos tapar nossos ouvidos espirituais à vocação divina que está sobre nós e nos desafia.
E finalmente, é imperativo que se atenda o desafio de ir anunciar o Reino de Deus (o exemplo dos setenta comissionados por Jesus em Lc 10:1 deve ser modelo para nós). Se a necessidade do mundo perdido nos toca e ouvimos com clareza o chamado cristão para a missão então a atitude a se tomar é se comprometer com a obra missionária atendendo o desafio de ir aonde estão os perdidos para lhes anunciar as grandezas do amor de Deus e as boas novas de redenção.
Para fazer missões é preciso ter os olhos abertos para o mundo, os ouvidos atentos para a voz de Deus e também é indispensável que haja obediência em atender o seu desafio. Que o Senhor nos faça assim.

(Original: ibsolnascente.blogspot.com em 29/05/2009)

Nenhum comentário:

Postar um comentário